“Nossa Senhora da Paz” é a primeira igreja católica no Sinai

ROMA, 26 Fev. 15 / 04:18 pm (ACI) – “Nossa Senhora da Paz” é o nome da primeira igreja católica no monte Sinai, no norte do Egito, e foi dedicada à Virgem Maria em 15 de fevereiro, o mesmo dia em que se divulgou a barbárie do Estado Islâmico (ISIS) que decapitou 21 coptos egípcios na costa da Líbia, dando assim novos mártires para o cristianismo.

Em declarações difundidas pela fundação pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre (AIS), o Bispo católico, Dom Makarios de Ismailia, explicou que “temos alguns locais de adoração no Sinai, mas estes são capelas ou mesmo apenas um cômodo em casas normais. A igreja de Nossa Senhora da Paz é o primeiro edifício adequado para uma igreja, que foi construído com o único propósito de adorar a Deus”.

O bispo recordou que o pedido de construção se apresentou em 2003 e em 2005 foi lançada a pedra fundamental. Entretanto, as obras avançaram muito lentamente porque no Egito a construção de uma igreja é uma questão política. “Em um determinado ponto, depois que tudo havia ido por terra, fomos à esposa do então presidente Mubarak. Susanne Mubarak frequentou escola de freiras e nos ajudou. Depois disso, não havia nada que o governador pudesse opor-se”, indicou Dom Makarios.

“Madame Mubarak também deu o nome à Igreja. Nós, na verdade, queríamos ‘Maria Stella Maris’, Estrela do Mar, mas ela sugeriu ‘Nossa Senhora da Paz’ sua padroeira. Ficamos felizes em acolher”, acrescentou. Por sua parte, o Pe. Bolos Garas, que desenvolve seu trabalho sacerdotal em Sharm desde 2010, recordou que quando chegou “não havia igreja, apenas as bases de uma adega.

Então nós colocamos lonas e celebramos a missa. É por isso que é tão comovente finalmente ver a igreja concluída, e não só para mim. Um membro da nossa congregação, um italiano idoso, recentemente veio até mim e disse que ele poderia morrer em paz agora, porque ele tinha ouvido os sinos na torre”.

“Eu sou um padre católico copta. No entanto, existe um punhado de famílias coptas católicos aqui. A maioria dos nossos fiéis são turistas ou trabalhadores estrangeiros. Por esta razão, não só celebrar a missa de domingo de acordo com meus ritos, mas também de acordo com os ritos romanos, em italiano e em Inglês”, indicou.

A Missa de dedicação foi celebrada em rito copto e esteve presidida pelo Patriarca Ibrahim I Sidrak do Egito, quem vela pela vida espiritual de 200.000 pessoas. Na cerimônia participou também o governador da região, que destacou a importância de que os cristãos contem com um lugar de culto.

A construção da igreja foi apoiada financeiramente pela Fundação Pontifícia Internacional Ajuda à Igreja que Sofre. “Que Deus abençoe os benfeitores da AIS por sua generosidade. Católicos de todo o mundo sustentam a igreja que, por sua vez, serve católicos de todo o mundo como em um Corpo Místico de Cristo”, afirmou Dom Makarios.

Anúncios
  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: